Então é natal, tempo de agradecer! - Walber Gonçalves de Souza
18/12/2017 - 14h15 em Novidades

Mais um ano se passou, numa velocidade alucinante, mas passou. O que deveria ter sido feito, os planos e sonhos que foram planejados para 2017, se não foram concretizados provavelmente não serão mais. O Natal e toda sua magia já está batendo à porta de todos nós! E junto os últimos dias do ano.

Restam-nos agora duas coisas, primeiro agradecer. Apesar dos pesares, por vivermos em uma nação de tremendas injustiças, temos muito a agradecer. A vida, este presente que simbolicamente se renova em todo o tempo de natal por si só já seria motivo mais que suficiente para o nosso agradecimento. Estamos vivos! Respirando, sentindo, amando e colhendo os frutos do que plantamos.

Devemos agradecer pela possibilidade de tornarmos nossas vidas melhores; devemos agradecer pela presença de tantas pessoas que nos rodeiam, fruto das nossas escolhas, pois se há uma coisa que podemos escolher são os nossos amigos; devemos agradecer, pelas nossas famílias, ninho do amor, do equilíbrio, da paz, do caráter, dos desafios, de tudo de bom; devemos agradecer pela saúde, pela oportunidade de aprender, pela força de vontade de querer viver; devemos agradecer pela possibilidade que temos de buscar a felicidade, o amor, a concórdia, a justiça; devemos agradecer por cada amanhecer; devemos agradecer pelo alimento, pela água, pelo lar; devemos agradecer pela força que temos para trabalhar; são tantas coisas que devemos agradecer  que basta olhar para o lado, para tantas outras pessoas, que já nos encheremos de motivos.

Um dia uma criança nasceu em um curral, com os pais temerosos de serem descobertos e verem seu filho ser arrancado dos braços; um dia esta mesma criança se tornou o motivo de todo o nosso agradecimento. Independente da questão divina, esta criança nos mostrou o caminho, a verdade e a vida. O caminho que devemos seguir; a verdade que devemos buscar; e qual o sentido e como a vida deve ser gasta. Quer presente maior?!

E a segunda coisa, planejar: 2018 se aproxima! Todo fim de ano geralmente fazemos um monte de promessas para o ano seguinte. Pensemos com mais carinho nos objetivos que almejamos para os vindouros dias. Precisamos de sonhos que façam valer a pena o Natal que comemoramos. A criança que simbolicamente nasce no Natal não vive somente um dia. Ela cresce, mas seu maior sonho deve ser não terminar pendurada e pregada em uma cruz, como comumente fazemos. Por isso, que cuidemos deste menino que nasce todos os anos no nosso coração, na nossa mente, no nosso ser! Que tenhamos coragem de cuidar e proteger esta criança! De sentir, perceber e viver verdadeiramente o espírito do Natal em nossas vidas, durante todos os dias!

Desejo a todas as pessoas que dedicam uns minutos da sua vida lendo meus textos, um Feliz Natal e boas festas de fim de ano!

 

 

Walber Gonçalves de Souza é professor e escritor. 

COMENTÁRIOS
Comentário enviado com sucesso!